sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Cheryl Blossom #03 (1995)

Eis um enfim duplo, meu retorno aos posts no blog e com ele a enfim conclusão da mini-série da Cheryl que começamos a lançar aqui ainda no ano passado, lembram?

Pois bem, a demora é algo que vocês entendem né? (SIM!) Mas saindo desse papo besta que sempre enrolo vocês, vamos falar mais precisamente sobre essa HQ.
Atualmente, as HQs da Archie Comics seguem uma coerência muito peculiar em suas histórias adolescentes, as tendências do momento. Não é pra menos, o universo teen é um turbilhão de padrões e estilos que se copiam de um jovem pra outro como se fosse uma verdadeira máquina xerox orgânica super-veloz.

Só que há mais de 10 anos atrás, o mundo teen não era assim tão globalizado, tão tedencioso a estilos e padrões de beleza específicos. O que predominava era os momentos intrísecos e bem genéricos de cada estilo de vida tomada pela maioria dos jovens da época restrito a suas regiões. Basicamente pautado nas rotinas de colégio e no advento das férias. Quando havia uma ligação mais firme de relações interpessoais com tato e voz. Fatores que aproximavam mais regularmente os jovens pra um encontro na praia ou em acampamentos, por exemplo. Não afirmo que isso não exista hoje, mas creio que as diferenças de lá pra cá devem ser evidentes, ou será que você acredita que uma história ambientada de forma tão genérica nessa mini-série Cheryl Blossom estaria nas bancas hoje? Creio que só argumento principal que sim.


Tradutor: Kural King
Diagramador: Mc
0 Pitacos
Pitacos

0 Pitacos:

Postar um comentário